Moeda: Clima: Marés:
Início Pandemia

Prefeitura afasta auxiliar que errou aplicação de vacina contra Covid em Lucena

Profissional de saúde de Lucena aplicou em crianças com menos de 11 anos vacinas contra Covid destinadas a adultos; prefeitura lamentou o caso
Vacina, Crianças, Prefeitura
Orçamento previsto para vacina tem sobra de R$ 9,9 bilhões | Foto: Hélia Scheppa/SEI

A Prefeitura de Lucena, na Grande João Pessoa, afastou uma profissional de saúde do Município que aplicou em crianças com menos de 11 anos vacinas contra Covid destinadas a adultos. Em nota à imprensa neste sábado (15), a prefeitura lamentou o caso.

Ainda conforme a gestão de Lucena, as crianças estao sob acompanhamento do Município e não apresantaram reações adversas.

O caso virou alvo de ação no Ministério Público Federal, que abriu uma investigação contra a Prefeitura de Lucena.

A vacina específica para o público de 5 a 11 anos é a Pfizer-Comirnaty Pediátrica. A dose aplicada é reduzida, 1/3 da dose normal. Segundo a SES, a tampa para o imunizante infantil é laranja, enquanto o do adulto é roxa.

Veja a nota divulgada, na íntregra:

A Prefeitura de Lucena lamenta profundamente a falha executada por uma auxiliar que aplicou indevidamente e sem autorização vacinas de combate à COVID-19 em algumas crianças de um posto de saúde da Zona Rural.

Esclarecemos que a decisão foi tomada individualmente pela pessoa que fez a aplicação, sendo uma falha pontual e que não partiu de determinação da administração municipal, de forma que assim que tomamos conhecimento, afastamos a responsável.

A prefeitura esclarece ainda que está pondo a disposição das famílias acompanhamento médico e monitorando as crianças. Já comunicamos à Secretaria Estadual de Saúde para que o Ministério de Saúde também seja informado.

Até o momento, felizmente, as crianças que recebem as vacinas não apresentam quadro adverso na saúde.

A Prefeitura está orientando, novamente, as equipes que fazem a campanha de vacinação contra a COVID e informa a nossa população que a aplicação de vacinas infantis serão feitas, exclusivamente, com as novas vacinas enviadas pelo Ministério da Saúde, voltadas especificamente para uso pediátrico.

Comentários

Deixe seu comentário
Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2022. Portal Correio. Todos os direitos reservados.