Moeda: Clima: Marés:
Início Notícias

Santa Rita se prepara para bloqueio total contra Covid-19

A cidade de Santa Rita, na Região Metropolitana de João Pessoa, adotará o estado de lockdown para tentar conter avanço do coronavírus no município. O termo, que significa bloqueio total/confinamento em inglês, é uma medida mais severa durante uma pandemia. A prefeitura não divulgou quando será a data de publicação de decreto com a determinação.

Leia também:

Com o lockdown, conforme adotado em outras localidades, entrada e a saída de veículos particulares são proibidas e limites entre cidades são fechados, além da proibição de aglomerações em locais públicos. Praticamente todos os serviços não essenciais ficam proibidos e só é possível sair de casa para comprar alimentação, remédios e levar pessoas a unidades de saúde. No Brasil, a medida já foi determinada para a Região Metropolitana de São Luís (MA), valendo por 10 dias, a partir de 5 de maio.

O prefeito de Santa Rita, Emerson Panta, compartilhou um vídeo nas redes sociais neste domingo (3) e anunciou que já pediu apoio do Governo do Estado para implantação da medida. Até agora, a cidade já registrou 100 casos confirmados, com 15 óbitos, números menores apenas que os da Capital.

A preocupação do gestor é que o avanço continue em ritmo acelerado, como vem acontecendo nos últimos dias. Apesar dos apelos de prevenção e distanciamento social, parte da população não está colaborando e tem desrespeitado o isolamento recomendado pelas autoridades.

“Precisamos colocar um freio nesta situação e barrar esta pandemia enquanto podemos. Melhor fazer agora, de forma planejada e organizada, enquanto há tempo. Não queremos ver os números se transformando em nomes de amigos, de familiares, por isso precisamos do apoio do governador, mas também da população em geral”, afirmou o prefeito.

Panta elencou diversas medidas adotadas desde 17 de março, quando a prefeitura emitiu seu primeiro decreto, mas que ainda estão sendo insuficientes para o controle dos casos na cidade. O prefeito chegou a ir às ruas em carro de som pedir conscientização às pessoas e lançou diversos procedimentos de combate.

A vacinação contra a influenza nos mais de 12 mil idosos do município foi feita em domicílio pelos profissionais; o pagamento dos servidores municipais foi antecipado nesses últimos dois meses e dividido em categorias para evitar aglomeração nas agências bancárias; 50 mil máscaras distribuídas entre a população; Procon, Vigilância Sanitária e Polícia Militar em ações diárias de fiscalização; desinfecção de espaços públicos; apelo nos meios de comunicação e redes sociais.

“Ainda assim, não foi suficiente para conter o crescimento dos casos. Por isso, avaliamos os dados, debatemos com equipe técnica, e chegamos a esta decisão”, argumentou o prefeito, que se reunirá com o governador João Azevêdo para a implantação do confinamento, que prevê a manutenção apenas de serviços estritamente essenciais.

Saiba mais sobre o coronavírus no vídeo abaixo:

Comentários

João Victor disse:

Agora eu acho muito ótimo mais assim.eu dependo da minha moto e ela está atrasada e todo os dias venho trabalhar em. Bayeux eu moro em Santa Rita PB

Claudia disse:

Verdade a mae da minha amiga recebeu vacina em casa povo falador

Fabi disse:

Bloqueio total a tá, ele precisa pensar em quem está trabalhando e precisa sair para outra cidade para trabalhar como vai ser isso. Trabalho em João pessoa e daí vou ser prejudicada, e como fica o meu salário vai ser pago por quem os dias que eu não puder sair da cidade. Não sou funcionária pública, o prefeito já pensou nisso?

Edvania disse:

Tudo mentira.ate o posto de saúde da masa em várzea nova tá fechado não estão dando vacina em ninguém até o pré Natal tá suspenso.e até agora não ganhamos nada da prefeitura inclusive nenhuma máscara.tenho um pai de 60 anos que até agora não tomou a vacina pq o ubs tá fechado.uma vergonha ter um prefeito médico com a situação dessas na saúde

Jovete Galvão de Sousa disse:

Eu só vejo os faladores e faladoras da vida alheia, sentados nas calçadas todos os dias e festas e mais festas nas casas.
Aqui no Tibiri III vejo até bar aberto e servindo nas calçadas, aos clientes. A polícia passa e nada faz. Não tem fiscalização e fulaninho por ser amigo de um policial pode tudo…

jean disse:

Isso era pra ter feito antes….

Cláudio Matias disse:

Creio que não resolverá o problema, o certo é usar as máscaras de proteção e multar quem não usar.

Nataly disse:

O prefeito deveria fazer igual no rio de janeiro coloca o carro da lapada.quem sair nas ruas sem motivos vouta todo lapeado

Reginaldo Bernardo da Silva disse:

Cabe ao gestor municipal e estadual certas medidas….para obrigatoriedade do uso de máscara…fazer a distribuição das mesmas as pessoas incapaz de adquirir seja comprando

Gilcleto disse:

Vai da ruim

Leandro disse:

Concordo com o prefeito pois a população nao tem educação para fazer sua quarentena então o estado manda.

Tudo mentira essas vacinas e por cara entram Casas de quem querem e escolhem cara

Deixe seu comentário
Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2022. Portal Correio. Todos os direitos reservados.