STTP

'Atleta Pódio'

#SouRepórterCorreio

TV Correio

Suposta festa teve queima de fogos (Reprodução/Instagram)

Suposta festa de aniversário de facção vai ser investigada pela Segurança

Okaida teria promovido queima de fogos em João Pessoa, Campina Grande, Bayeux, Santa Rita, Sapé e Guarabira para comemorar aniversário

2003
COMPARTILHE

Uma queima de fogos ocorrida em diversos bairros de João Pessoa, além dos municípios de Campina Grande, Bayeux, Santa Rita, Sapé e Guarabira, durante a noite desse sábado (11), vai ser analisada pela Secretaria de Segurança do Estado após informações de que os fogos seriam em comemoração ao aniversário da facção criminosa Okaida, que atua em todo o estado.

De acordo com vídeos postados em redes sociais, a facção teria comemorado aniversário com festa e queima de fogos nos bairro do Cristo, Rangel, Mangabeira, Muçu Magro, Valentina e São José.

Pelas redes sociais, a população questionou a falta de presença das policiais para prender os membros das facções que promoviam as comemorações a céu aberto. Além disso, supostos membros da facção também emitiram opinião nas redes sociais.

Em contato com o Portal Correio, o secretário de Segurança Pública e Defesa Social da Paraíba, Cláudio Lima, afirmou não ter conhecimento das festas, mas que irá buscar os vídeos para analisar a situação.

“Não tenho conhecimento desses vídeos, mas tentarei vê-los para emitir um posicionamento sobre isso amanhã (segunda-feira)”, disse o secretário.

Festa em meio à operação policial

A suposta comemoração da facção Okaida aconteceu horas após a 30ª edição Operação Impacto ser lançada no estado.

Conforme a Polícia Militar, a operação tem como objetivo o uso de tropas especializadas e de policiais de diversos batalhões para ocupar locais indicados pela inteligência e estatística, com atuação para prevenir roubos, crimes contra a vida e combater o tráfico, o uso ilegal de armas de fogo.

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas