Início Justiça

Condomínio é processado por impedir que moradores alimentem gatos

Segundo moradores, síndico determinou que quem alimentasse os animais poderia levar advertência e multa
Foto: Reprodução/TV Correio

Um condomínio de João Pessoa está sendo processado pelos condôminos por ter impedido que eles coloquem comida para gatos que, segundo moradores, vivem há anos na área. O síndico do local determinou que o morador que alimentasse os animais poderia levar advertência e até multa. Acompanhe o caso na reportagem da TV Correio, no vídeo abaixo:

Comentários

  • Paula Paula Gesini disse:

    Gente, pelo amor de Deus, os felinos são muito mais limpos e educados que muito ser humano. A ignorância e a ruindade dele e de muita gente me dá nojo. Os gatos estão lindos, fortes, parabéns a todos os moradores . Meu recado para o síndico? A lei do retorno existe pq aqui se faz aqui se paga. Não deixem pelo amor de Deus de alimentarem eles

  • Kelly disse:

    E por isso que todas as vezes que tenho vontade de morar em condomínio fechado penso mil vezes antes acho que nao me adaptaria com algumas situações que sao tidas como regras prefiro morar num bairro normal mesmo . tem suas desvantagens mas também tem suas vantagens ! Kkk

  • Alexandre disse:

    É um problema para todos os lados.
    Eu mesmo queria pintar meu carro que está todo arranhado pelos gatos que adoram ficar no teto do carro.
    Adoro animais, mas normalmente quem tem gato não se i.porta que ele vá gazer sujeira na casa alheia.
    Fora que o local em que eles defecam é exatamente atrás do carro. E os donos não limpam.

  • Vania disse:

    São muitas pessoas que precisam evoluir,muitos corações peludos,só digo uma coisa,os animais são criaturas divinas,eles são dependes de nós,Deus os deixou sobre nossos cuidados,e tem pessoas que maltratam,deixam morrer de fome,sede e isso quando não matam inventados, certamente essas não são felizes,Deus está vendo tudo e muito decepcionado com essas atitudes,só peço que Deus tenha compaixão dessas pessoas e ponha amor no coração delas.

  • Gilberto disse:

    Esse tal de Lopes aí é um insensível, gatos não tem culpa de existir e tem que estudar mais pois tem pessoas como ele que são mais imundos que gatos pois os mesmos se asseiam melhor que ele,com certeza não tem nenhum bichinho em casa e se tiver oriento que o resto da família doe antes que ele mate.

  • Mônica Yan disse:

    Ridículo ver comentários de ódio contra seres inofensivos e tão sofridos como esses animais abandonados. Só avisando para os mal informados, que só contrai a toxoplasmose se a pessoa comer o cocô do gato. Gatos também não causam problemas respiratórios. Alguns seres desumanos e suas ignorâncias… como falam besteira.

  • Luciana disse:

    Por traz da profissão síndico, existe um ser ” humano” e que bosta de ser humano. Aqui no meu prédio esse idiota não duraria muito tempo.

  • Denise silva disse:

    Eu amo os animais que seja lei para TDS os condomínios do Brasil
    Só pq não gosta de animal quer ver os bichinhos morrerem de fome e sede? esse síndico deve ter MT gente que não gosta dele que tb poderia fazer ele ficar sem comida e água só para ele sentir na pele como é ficar com sede e fome.
    Deus é amor e não está gostando dessa atitude dele. De olho nos gatinhos para não sofrerem maldades ou morreram envenenados… Deus os livres proteja eles

  • Lopes disse:

    Fácil resolver, é só os que cuidam dos bichanos adotarem, coloquem dentro do ap deles e tudo fica resolvido. Já imaginou se todas as vontades de moradores de condomínio fosse satisfeitas só pq eles querem? O que acham de alguns moradores de criarem cobras no gramado do condomínio? Afinal eles dão comidinha para elas…. mas e o moradores? Que se virem e procurem outro local para passear afinal as cobras são mais importantes. Aaa só para lembrar, segue as doenças que um fato pode transmitir: Alergia respiratória. …
    Toxoplasmose. …
    Micose de pele. …
    Infecção por Bartonella henselae. …
    Esporotricose. …
    Síndrome da Larva migrans visceral. …
    Ancilostomíase….. só isso viu.

  • Adolfo disse:

    Os parasitas tem a função de prejudicar, são pessoas imbecis que age feito os parasitas. Esses animais preciosos dependem da gente, cabe cada um de nós fazer o mínimo por eles, água e alimento. Parabéns pra essas pessoas maravilhosas que defendem esses bichanos preciosos.

  • Sueli Gomes Aldaves disse:

    Residi em um condominio onde disseram que o miado do gato estava incomodando.diante dos fatos nem discuti optamos por mudar para uma residencia em trinta dias. O que falta é, amor no coração das pessoas.

  • Maria Moro disse:

    Muito bom muito bom os animaizinhos merecem serem bem tratados porquê eles também assim como nós seres humanos fazem parte da criação. Botem esse síndico pra correr OK…

  • Tania disse:

    Processar o estado?porque não, não era pra ter ninguém passando fome, já que o estado tem dinheiro o suficiente até pra ser roubado….

  • Carlos Augusto disse:

    Situação complicada. Nada contra os bixos, são seres vivos e merecem respeito. No entanto, só sobra para o síndico que, na maioria das vezes, em caso como esse é outros, apenas cumpre exigência dos próprios moradores para o cumprimento do Regimento Interno e as decisões de assembleias que, na verdade deveriam todos saberem, mas como a maioria não participam das reuniões, por isso não sabem. A propósito, quem pagará as despesas do carro arranhado? A lavagem do sofá sujo de sangue e outros? A medicação dos zeladores se contraírem doenças? De boa, acho que o apresentador poderia dá uma boa contribuição financeira para ajudar nas despesas com os bichinhos.

  • José Moacur Vasconcelos Farias disse:

    Os animais respeitam a natureza. Os seres humanos são NOCIVOS á natureza, O HOMEM É O LOBO DO HOMEM..

  • Simone Torres disse:

    E incrível a falta de informação por aqueles que são contra os animais, mas na verdade é a falta de interesse em se informar e querer continuar na sua ignorância. Pois todos que se preocupam também com a situação deles bem sabe que nenhuma ONG recebe ajuda do governo e sobrevivem apenas de doações e do bolso de quem cuida.
    Não entendo como pessoas se dizem Cristãs se desprezam as criaturas de Deus que no dilúvio Ele mesmo pediu para Noé socorrê-los.
    Como podem ,mesmo as pessoas que não são cristãs, afirmar que têm amor pelo outro se não consegue enxergar a inocência de um animal que luta para sobreviver em um mundo onde o hábitat natural deles foram tomados pelos humanos sem a menor preocupação em onde relocá-los.
    Dizer que eles transmitem doenças de pele como se fosse uma pandemia, que atacam como animais selvagens, que arranham os carros, que a Alimentação deixada para eles atraem baratas, ratos e escorpiões é um absurdo.
    Será que todas as vezes que manuseia dinheiro ou vai ao banheiro lava as mãos de forma correta?! Pois o dinheiro possui muitas bactérias, passam de mãos em mãos, caem em lugares nojentos imagináveis.
    Os gatos são caçadores e ajudam até na prevenção da proliferação de ratos e baratas. Não os comem e sim apenas matam.
    Baratas e ratos aparecem também pelo mal condicionamento do lixo e da própria higiene das residências.
    Digo isto, pois moro em apartamento e vejo que nem todos os moradores possuem este cuidado. Inclusive joga o saco de lixo aberto no latão do condomínio e quando não joga direto sem se preocupar com estas pragas e com o próximo.
    Escorpiões são predadores de baratas para quem não sabe e também adoram ficar em entulhos e restos de construções deixadas nas garagens ou nos terrenos próximos aos condomínios.

    As pessoas deveriam cobrar higiene e educação dos humanos e não dos animais.

    Dizer que eles atacam?! Se uma pessoa se sentir ameaçada ou acuada não irá reagir?!

    Se as pessoas se preocupam que eles entrem em sua residência então por quê não coloca tela?! É por causa do comodismo.
    Por que não reclama da falta de privacidade quando seu vizinho passa pela sua janela e olha sem querer ou querendo?!
    Porque quando vc quer privacidade coloca uma cortina e a fecha.
    E por que neste caso, não tenta expulsar todos os vizinhos que olham para dentro da sua residência?
    Porque são humanos?! Humanos são seres vivos assim como os gatos, mas a diferença é que os humanos podem,
    se quiserem, realmente fazer o mal porque são racionais.

    As pessoas precisam retirar o ódio e o rancor que possuem em suas vidas e que depositam naqueles que não têm culpa, independentemente serem humanos, para poderem ter e enxergarem o verdadeiro amor. E assim, viver em paz consigo e com o seu próximo.

    Desejo que Deus te abençoe e te ilumine para que possa ser mais amada.
    E para aqueles que não são cristãos, o mesmo, pois estou desejando o melhor segundo a minha crença e o meu coração ❤️

  • Marcia Pinho disse:

    Desejo salientar que os animais que residem em condomínios não são de rua, mas uma Colônia comunitária protegia por lei. Lembrando, q sendo assim, é responsabilidade do condomínio protegê-los, alimentando e cuidando. Gostando ou não, alimentar, castrar e cuidar é o melhor caminho para o controle e vida saudável, minimizando o desconforto dos que não gostam e não saem do sofá p ajudar.

  • Tânia disse:

    Todos tem direito de viver como melhor lhe convém, não é porque uma regra existe, que é correta, como todos tem liberdade de escolha, quem não tá satisfeito, vai morar em outro lugar, agora vai ser difícil um lugar onde não haja amor

  • Lili disse:

    O pior são os comentários que nem esse aí em cima, de quem nunca teve um gato na vida. Gato não costuma fazer cocô no caminho – fazem escondido. Em local com grama, vão fazer e cobrir com areia/terra. Qualquer ONG ajuda com a castração gratuita ou com baixo custo, o que permite que não haja cruzamento. E gatos são super limpos. As vacinas são mto baratas, e no geral são dadas somente 1 vez. E geralmente quem se interessa em cuidar de gente tbm cuida de animais, esse tipo de reclamação vem de quem não se preocupa com nenhum dos 2. Gatos que vivem na rua nem sempre se acostumam a viver presos, e com um condomínio desse tamanho, o problema é obviamente falta de empatia.

  • Mônica Roif disse:

    Parabéns!! Coloque esse síndico e os seres mal amados para correr …

  • Fabi disse:

    Sou defensora assídua dos animais ,são criaturas de Deus e são os melhores amigos do ser humano ,muito triste ,cuido de 11 em minha casa amo .se não gostar de um animal inofensivo ,vai gostar de seres humanos ,como mandou Jesus o 1 mandamento amai o próximo é impossível haver amor em coração de pessoas assim,vamos orar e pedir que mudem o coração e que tenham um pouco mas de amor e compaixão por esses animais.

  • José carlos disse:

    Parabéns que vocês ganharam a questão dos bichanos eles já vivem nas ruas ainda ficar sem comer .agora tenha cuidado que esse síndico com raiva que perdeu pode envenenar os bichanos mais uma vez parabéns pela vitoria

  • Ana disse:

    Não sou a favor do maltrato, mas sou a favor de organizar um local fixo para deixarem água e ração. Assim os bichinhos não incomodam ninguém. Vejo aqui, gramas cheias de fezes e os gatinhos chegam a entrar dentro de casa e deitar no sofá. Creio que organizar é indispensável para o bem de todos e cuidado com os animais que hoje vivem abandonados por pessoas que iventam e depois desistem. É necessário diante deste caos uma conscientização de que animal precisa de cuidados! NÃO é um bicho de pelúcia que vc brinca e depois joga no canto. Tenho 2 calopsitas e dão sim, muito trabalho e gasto! É limpeza, é veterinário, comida natural diariamente , sementes de boa qualidade e fora a sujeira pos, elas tem o horário de ficarem soltas todas os dias… Quer dizer, não é só jogar na gaiola! E a noite ainda precisam de cuidados com o frio… Animal gente, NÃO é fácil! É para quem gosta!

  • Solange Tatiana disse:

    Parabéns a ong ninguém merece passar fome fica sem comer os bichanos não faz mai igual o ser humano nós que sujamos tudo sem amor no coração, brigas ah me poupe síndico

  • Heitor Folgierini disse:

    GLÓRIAS A DEUS! SOU 100% FAVORÁVEL A CASTRAÇÃO SOCIAL PORÉM SOU TOTALMENTE CONTRA QUEM MALTRATA QUALQUER SER VIVO. FUI VÍTIMA DISSO QUANDO ALIMENTAVA UMA GATINHA DE RUA QUE (ACREDITO) FOI ABANDONADA PORQUE ELA ATÉ HOJE NUNCA FICOU PRENHE E PARECE QUE É CASTRADA.. ELA VIVE NO TÉRREO DE NOSSO CONDOMÍNIO E HOJE É ALIMENTADA NA RESIDÊNCIA DE UMA VIZINHA PRÓXIMA. ATÉ ADVERTÊNCIA JA ASSINEI PORQUE A ALIMENTAVA. VOU PESQUISAR ESTA EXCELENTE DECISÃO JUDICIAL E ME RESGUARDAR. VOU VOLTAR A ALIMENTAR ELA.

  • Paulo disse:

    Se eu pudesse descia a porrada nesse Rogério e Alexandre infeliz, você é a verdadeira doença aqui.
    Não tem nada no cocó não seu infeliz

  • Valderi de Castro Mendes disse:

    Parabéns ao síndico. Não digo o que tenho vontade porque a justiça pode me enquadrar….mas parabéns sr síndico. Isso é Brasil.

  • Valderi de Castro Mendes disse:

    Isso é nossas leis. Aqui também em fortaleza o condomínio onde mora está uma podridão de fezes de gatos porque tem umas 4 pessoas que criam gatos nas garagens sob pilotis e aí de quem achar ruin. Parabéns ao síndico citado na reportagem e nota zero para nossas leis.

  • Mel disse:

    Me envergonha ler uma matéria dessa. Que só pública o que lhe é contado, mas não apura a realidade.
    Que pena P. Correio. Um condomínio com 432 apartamentos, sendo processado por conta de duas “protetoras” q alimentam, mas deixam os gatos no sol, chuva e frio, tiraram das ruas pra dentro do muro do condomínio e continuam na rua. Cadê o acolhimento real?
    Falar vendo de fora é fácil e lindo ter dó dos animais. A realidade é bem diferente do que foi contado.

  • Denise disse:

    Bem lembrado Mauro : normas “intra muros”, não podem ferir regra de direito posto.

  • Denise disse:

    Aqui onde moro estamos passando pela mesma situação. A sindica já chegou a notificar uma moradora e respondemos com uma contra notificação feita por uma advogada especialista em direito dos animais. Animais em situação de rua é uma responsabilidade do poder publico, é uma questão de saude publica cuidar destes animais para que não fiquem doentes e para que não veiculem doenças. Quem cuida e protege animais de rua estão prestando um serviço publico e tem que receber o respeito de toda a sociedade.

  • Eliselote carvalho disse:

    Eu morei em um condomínio que ocorria os nesmos problemas. Além de aparecer gatos mortos com suspeita de envenenamento. Eu tratei e alimentei anos e ainda consegui algumas adocoes.o sindico só fazia nos perseguir e ameaçar. Dá última providência dele (levou pessoas que dizia ser do zoonoses. Retirou vários gatos do local e outros apareceram mortos.) Indelizmente eu já havia saido desse condomínio. Acho q ele esperou só a minha saida.

  • Rogério disse:

    É muito fácil culpar o síndico pela atitude dele, porém, gatos se proliferam e vira um verdadeiro caos, intervindo até no eco sistema, veja exemplos como do parque do Cocó em Fortaleza CE, ser politicamente correto pode ser “bonitinho” para os hipócritas, mas com toda certeza esse síndico é a voz da maioria que deseja ver seu quintal limpo e não invadindo por gatos de rua que trazem, além de dor de cabeça, muita sujeira e doenças, parabéns ao síndico!

  • Goreth disse:

    Muito, obrigada!!

  • Gogô disse:

    Essa pessoa não deveria nem ser chamado de ser humano, sem coração e amor aos bichinhos. Poderia deixar ele uns dias sem comida pra ele vê se era bom. Porquê ele aínda continua trabalhando aí??? Moradores não deixam de alimentar esses fofos. Tem mais é que tirar esse sujeito que trabalha nesse condomínio. É REVOLTANTE ISSO. Digno de pena esse sujeito nojento.

  • Marcos Antonio disse:

    Realmente é uma vergonha os nossos políticos, a população desinformada, síndicos e afins que em lugar de promover uma campanha para adoção ou castração dos animais sem dono, prefere investir na solução mais fácil de impedir que os animais sejam alimentados, para facilitar o seu atropelamento ou envenenamento e acima de tudo, condôminos que apoiam uma medida imoral, desumana e que afeta em particular as crianças que podem absorver um ensinamento condenável, o de maltratar animais. Parabéns as pessoas sensatas e humanas do Condomínio em questão. Marcos Mendonça. De

  • José Campos disse:

    Mais do que compaixão ( há quem tenha e os que não), é nossa obrigação alimenta-los, na medida em nós criamos esses problemas. Por omissão, por falta de cobrança ou mesmo porque esse é um país de merda, não é justo que os bichanos paguem por nossos erros.

  • Grazi disse:

    Esse ser escroto de síndico que proibiu a alimentação e a moradora quem reclamou são os que deveriam vazar do condomínio. Esperar o que de duas carniças que se incomodam com quem alimenta a criação divina! Eu tenho um casal de gatos e são só carinho comigo e meus filhos. Eu durmo abraçada todos os dias com a fêmea e o macho fica no mesmo lugar meio da minha cama ou na do meu filho. São super carinhosos! Ninguém é obrigado a gostar de bicho mas é obrigado a RESPEITAR SIM. Ainda mais quando querem impedir outras pessoas de fazerem o mínimo que é alimentá-los.

  • Anônimo Pensador disse:

    A humanidade vive dias bizarros, pessoas processam outras para proteger animais em situação de rua!
    Uau! Que bandeira fantástica para se lutar! Revolucionário! Estas mesmas pessoas, protetores dos animais, a cultura moderada fomenta que muitas delas certamente optam criar pets ou alimentar os de rua, ao invés de gerar e criar vidas humanas, filhos, seres tão magníficos e complexos. Ou ainda, ao menos ajudar outras famílias humanas em situação de risco, seja com doações esporádicas ou sistemáticas.
    A humanidade moderna luta pela proteção dos animais, que em si é sim um ato louvável, estás vidas tem seus valores, devem sim ser preservadas e combater a violência de algumas pessoas estúpidas. Entretanto muitas dessas mesmas pessoas favoráveis a proteção animal, e principalmente aquelas envolvidas com o ativismo a proteção animal, sendo estes políticos e funcionários de ongs, são os mesmos favoráveis ao aborto de bebês. Favoráveis a morte de crianças ainda no ventre de suas mães, seja em seus próprios corpos, ou em terceiros. Existe covardia maior?!
    São dias sombrios, sobra incoerência, superabundam a pequinês moral e a estupidez mental, estás são a regra, pessoas completamente abobadas, egoístas, hedonistas, não passam de zumbis postadores e curtidores de páginas com bichinhos fofinhos e ações de caridade animal em redes sociais, para seu público admirar suas caridades de amor por bichinhos famintos.
    Tenho dó deste síndico, força pobre homem, ou o melhor mesmo seria fazer suas malas…

  • Ana Maria disse:

    Acho isso um absurdo,uma falta de respeito para com os animais.
    Esse síndico, safado, filho da puta, não come, não bebe?
    Os bichinhos tb, têm esse direito,se eu morasse neste condomínio,eu iria continuar alimentar os animais,eu queria ver o que ele iria fazer comigo.
    Esse bosta.

  • Monica Batista de Oliveira disse:

    No condominio que moro em Macae os gatos sumiram maioria envenenados muita gente ruim mas existe a lei do retorno p esses malditos que odeiam os animais.

  • HUGO PIRES disse:

    Cada uma que se vê!! Absurdo essa posição desse síndico!!! Processo nele!!

  • Geraldo Aguiar disse:

    Lixo humano …..se eh que pode chamar de humano .

  • Simone Cassia Velho disse:

    Aqui em Campo Grande MS os moradores de um Condominio ganharam na justiça o direito de cuidar de um gato comunitário que mora no local há 4 anos.

  • Ademir Costa disse:

    Muitíssimo correta a posição desta respeitada ONG, temos que cuidar para os animais não sejam abandonados e passem necessidades. Somente pessoas ruins não sentem amor por todos eles, que não destroem a natureza como o homem faz. Tem meu total apoio.

  • Cristina disse:

    Humano lixo este síndico não sabe dia de amanhã
    Todos nossos atos são sementes que botaram.
    E daram em dobro.
    Deixa os bichos em paz.

  • Cezar Aparecido Tiziani disse:

    Parabéns aos Condomines,E Bem feito para o DitaSindico.
    Os síndicos em suas maiorias parecem donos de tudo,multam por qualquer coisa, parece políticos que fazem as leis valerem só para Eles.
    Fizerem uma auditoria nesses Condomínio Muitos síndicos vão pra cadeia.
    Parabéns moradores.

  • Claudia Lopes disse:

    Não é absurdo coisa nenhuma ,devem se ajudar pessoas necessitadas ,crianças e animais tbm..Aliás tudo que é feito com amor é válido e tem certas pessoas acima que exageram no comentário ,Acho que deve sim é prestar atenção em se cuidar primeiro , pois seu comentário
    e de quem sofre é de Toc.E tem animais que valem muito mais que certos seres humanos .E ter coração bom é independente de classe ,que infeliz .

  • Moacir disse:

    Me chama atenção porque o condomínio são os próprios condôminos, daí se houver uma ação de indenização, eles mesmos terão que pagar..kkkkkk. Moveram uma ação contra eles mesmos..

  • Mauro disse:

    Avisa para o síndico que, normas “intra muros”, não podem ferir regra de direito posto.
    Em resumo, se o sr. “Kim” continuar, pode responder criminalmente perante à lei que dispõe sobre maus tratos à animais. Ainda que exista uma convenção, esta não pode colidir com a lei.

  • Mauro disse:

    Avisa para o síndico que, normas “intra muros”, não podem ferir regra de direito posto.
    Em resumo, se o sr. “Kim” continuar, pode responder criminalmente perante à lei que dispõe sobre maus tratos à animais.

  • Laerte oliveira disse:

    So uma pessoa muito má, podre, mal-amada e asquerosa pode ter uma atitude como essa!!! Parabéns ais condôminos!!

  • Tânia disse:

    Eu fico indignada com alguns comentários que leio quando publicam matérias como esta. Sempre tem uns mal informados falando que ONG tem q se responsabilizar pelos bichinhos abandonados. Nunca fizeram uma doação sequer para ajudar algum bichinho resgatado. Toda e qualquer ONG não recebe nada do poder público para ajudar com as despesas. Fazem por amor. Gastam dinheiro próprio e a maioria dos animais abandonados tem alguém que os abandonou ou não castrou e acabam se reproduzindo. As ONGs estão todas lotadas. Portanto quem gosta de animais. Quem se preocupa. Não fica esperando que o poder público faça algo. Parabéns as pessoas que resolveram fazer uma boa ação. Os aninais também sentem fome. Sede. Dor. Frio.

  • Elizabeth T Gouvêa disse:

    Tem que Processar! Quem quiser ajudar não pode ser impedido! Agora ninguém pode dar comida aos gatos que estão lá há anos??? Eu conheço essa história, se não acontecesse o processo, dentro de pouco tempo esse lixo de síndico já iria dar um jeito de envenenar os animais! Sei bem quem não gosta de bichos, a maioria age assim! Parabéns aos condôminos, TEM QUE PROCESSAR MESMO!!!

  • Neuza dos Santos Moraes disse:

    É uma lástima, um comportamento desse tipo. Meu marido e eu tratamos de gatos, que ficam no terreno em frente de minha casa, há uns 6 anos. É gratificante ver os animais no terreno brincando. Adotamos uma gatinha de entre eles. É um doce, chama-se Filó. Espero que o condomínio mude de opinião quanto aos animais.

  • Maria Luz disse:

    CORRETÍSSIMO EXISTE SÍNDICO QUE SÓ VER O MAL, PREFIRO ALIMENTA ANIMAIS DO QUE ALIMENTA GENTE RUIM. INFELIZMENTE TEM UM REGIMENTO INTERNO QUE E PROIBIDO CRIAÇÃO DE PEIXE E CACHORRO.
    QUANDO EXISTE UM SÍNDICO QUE ABANDONA ANIMAL E O QUE MESMO?

  • Mariajose disse:

    Fiquei chocada com alguns comentários. Quanta maldade no coração! Me faz lembrar das palavras de Mahatma Gandhi: “A grandeza de uma nação pode ser julgada pelo modo que seus animais são tratados”. O egoísmo humano é a pior doença. Lamentável!

  • VA disse:

    Para estas “pessoas” se podem ser chamadas desta forma: SEM COMENTARIOS. Quanta ignorância, são “Sem um pingo de sentimentos “.
    Aos familiares destes: MEUS PESAMES, pois já morreram.

  • Carol disse:

    Específica para Maria de Fatima:
    A mesma desculpa de quem não gosta de animais , não gosta , e nem quer que cuidem dos gatos… ainda tem muita gente ignorante e estúpida que não se contenta em não fazer nada e crítica quem faz ….
    se a reportagem te incomoda, não assiste, simples…..
    Deixe para quem gosta e quer fazer algo….
    Apenas lembre , que se colhe tudo o que se planta…. tudo que é semeado, será colhido…. se não puder fazer o bem , tente ao menos não fazer mal….Que Deus tenha misericórdia !

  • Andre disse:

    Em tempos de Janaína Paschoal e bolsolavistas de whatsapp (sempre cheios de “opinião” técnica embasada), a ajuda deverá ser criminalizada (afinal, ajudar deve ser coisa de comunista – ou será de cristão?, agora não me lembro). Tem “cristão” patriota aí que mereceria trocar de lugar com quem passa fome, pra talvez ficar mais perto de Deus.

  • Glenda disse:

    Realmente o que se deveria fazer era tentar contratar uma ong de proteção aos animais p resgatar os gatos, porém querer impedir na justiça as pessoas q, com ou sem recursos sobrando, se dispõem a alimenta-los só mostra q o ser humano é um lixo, a verdadeira doença de pele do planeta! Se vc não quer cuidar deles é direito seu, não cuide, mas deixe em paz quem quer amenizar o sofrimento de outros seres vivos, gatos, cachorros ou QQ outro! Aconselho fazer o msm c mendigos, viciados e moradores de rua q são ditados de consciência e livre arbítrio e escolheram, ou foram fracos, para enveredaram por esse caminho da vida nas ruas. Vão fazer as necessidades e ter relações sexuais na sua porta, deixar as calçadas imundas e cheirando a esgoto, transmitir doenças muito mais graves que qualquer gato ou outro animal como a tuberculose ( que grande parte deles é portador) e se puderem ainda assakta-lo.

  • Patricia Vieira disse:

    O problema sao que pessoas ruins nem gostam de ajudar animais e ainda criticam qiem ajuda. Essas pessoas que cobram tanto por ajuda as pessoas na maioria das vezes não fazem nada para ajudar ninguém. Tenham mais amor no coração. O que me conforta é que essas desumanos morrem tudinho e acabam fedendo muito mais que fazer de animais.

  • María disse:

    O problema é mais embaixo. Os gatos e cães abandonados estão em toda parte, as pessoas pegam pra “criar” e se esquecem de suas responsabilidades para com eles, que assim que crescem são abandonados. Ninguém parece notar, mas o abandono de animais nas ruas já é um caso de saúde pública. Alimentar ou não os bichanos é só um lado da questão. Eu aqui alimento os que ficam na rua, todos os dias faço isso. Não porque sou boazinha, mas é porque é muito triste ver um animal com fome. O zoonoses lançam umas campanhas de castração que só a graça para conseguir uma vaga. Enfim, o melhor seria que TODOS, políticos e população tivessem um olhar mais humano para esses animais que não tem culpa de estarem nas ruas. Antes de tudo precisamos consultar nossa consciência e fazer o que tem que ser feito. Deus (para quem nele crer), e os animais abandonados agradecem.

  • [email protected] disse:

    Estão de parabéns, a Terra e os espaços não são exclusivos do arrogante e prepotente bicho homem. Só deveriam fazer campanhas para castração desses animais, porque sofrem por estarem nas ruas. Vergonha é sermos “superiores” e só cuidarmos de nós mesmos e de nosso patrimônio.

  • ALEXANDRE FACCINI COSTA disse:

    Dar comida infinita a bichos de rua temmdois caminhos. Eles irão continuar procriando e vão querer mais comida…O MESMO de dar Esmolas a pedintes com saúde 100% .
    PROGRAMA de CASTRAÇÃO para evitar este Loop de ” falta de soluções” e o tal politicamente Correto….
    E assim…a coisa certa será feita…
    Senão, NÃO sairemos das Esmolas para bichos, já que dos adultos Humanos é uma.questãomde sem vergonhice mesmo !

  • Maria Aparecida Batista da Silva disse:

    A bíblia em Tiago:4,17 dez que aquele pode fazer o bem e não faz comete pecado,O senhor síndico não seja tropeço na vida dos que querem praticar uma boa ação.

  • MARIA DE FATIMA ALVES DE MENEZES disse:

    Bom dia. Vi a matéria e achei esse processo um absurdo. Inicialmente é válido ressaltar que todo o condomínio, prédio,existe um regulamento interno, nesse regulamento informa que é proíbido alimentar animais de rua em áreas externas do condomínio. Além do mais, esses alimentos dispensados nas áreas comuns além de alimentar os gatos que já existem, trazem mais gatos de fora, atraem ratos, insetos de todo tipo; baratas, escorpiões, formigas, sem contar os danos materiais, a saúde. A quantidade de carros arranhados, crianças e adultos com doença de pele graves, não se pode deixar as janelas abertas dos apartamentos que são térreos abertas, os mesmos entram nos apartamentos e ao tentar tira-los eles atacam como animais selvagens, e não é por fome. Eu acho que as ongs de proteção aos animais deveriam se prestar a alimentar, cuidar adotar aquilo que protegem, assim como quem a chamou. Ninguém é obrigado a cuidar daquilo que não é seu. Precisamos pensar que o condomínio que foi processado é feito de moradores classe média baixa, nada de tem a mínima condição de se pagar por um processo. Outrossim, acho que se tem reportagens bem mais interessantes para vocês cobrirem. Vão as ruas, façam campanhas de agasalhos, façam campanhas ou mostrem as situações nos sinais de transito pela quantidade de pedintes, crianças em sinais. Processem o estado pelos humanos passarem fome, sede, sem teto. Esse processo é uma vergonha.

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.