Estreias

Acirramento

#SouRepórterCorreio

TV Correio

Filas
Eleitores já começaram a formar filas antes da abertura das seções (Foto: Hiran Barbosa)

Ruas sujas e demora em filas marcam votação; TRE explica

Em Campina Grande e João Pessoa vários eleitores começaram a chegar aos locais antes das 6h deste domingo (7)

197
COMPARTILHE

Mesmo os locais de votação só sendo abertos a partir das 8h, diversos eleitores não deixaram para última hora e formaram filas nas seções na Paraíba. Em Campina Grande e João Pessoa vários eleitores começaram a chegar aos locais antes das 6h deste domingo (7).

Filas em João Pessoa

No bairro do Cristo, na Zona Oeste de João Pessoa, os eleitores fizeram filas para votar cedo e não deixar a escolha dos candidatos para a última hora. Na escola Padre Miguelinho, as filas davam voltas no pátio. Até as 9h30, não foram registrados transtornos e a votação ocorria normalmente.

Na escola Padre Miguelinho, eleitores aguardaram até 1 hora para votar (Foto: Alisson Correia/Portal Correio)

Na imediações da Rua Dom Bosco, no Cristo, onde estão colégios que ocorrem votação, a movimentação também era intensa já por volta das 8h30. Policiais militares foram vistos fazendo rondas nos locais de votação do Cristo, onde também houve disputa por espaço para estacionar e ruas tomadas por santinhos.

Os bairros de Mandacaru, Mangabeira e Bancários são os que mais registraram acúmulo de eleitores antes das 8h. Na Escola Olívio Ribeiro Campos, nos Bancários, eleitores comentaram que “há muitos números para digitar”.

De acordo com a programação da Divisão de Geoprocessamento (Digeo) e do Departamento de Varrição e Coleta (Devac), as equipes da Autarquia Especial Municipal de Limpeza Urbana (Emlur) e das empresas terceirizadas realizam serviços na Capital para conter a sujeira nas ruas.

Campina Grande

Em Campina Grande, o repórter da 98 FM Hiran Barbosa registrou um aglomerado de eleitores em frente a Escola Estadual Polivalente, que começaram a formar filas desde as 7h. Ainda na Rainha da Borborema, diversas ruas foram flagradas cheias de lixo e de santinhos de candidatos.

Foto: Hiran Barbosa

TRE-PB explica

O Tribunal Regional Eleitoral na Paraíba (TRE) informou neste domingo (7) que a demora na votação era prevista por causa da quantidade maior de candidatos que disputam o pleito deste ano. Segundo o diretor de Tecnologia da Informação do TRE-PB, José Cassimiro, a orientação é levar uma cola com os números de todos os candidatos para evitar demora.

Com relação a reclamações de filas, Cassimiro disse que o eleitor pode acionar a Justiça Eleitoral se os problemas persistirem por muito tempo. O Serviço de Atendimento ao Eleitor (SAE) ocorre através do telefone 3512-1500 e e-mail [email protected]

Ele explicou ainda que alguns eleitores podem ter problemas com a biometria, o que pode piorar a situação das filas, mas reforçou que as situações estão dentro do previsto e que o TRE só vai intervir se houver casos mais graves que atrapalhem a votação.

Patos

Em Patos, as eleições ocorrem normalmente na cidade sertaneja. Uma ocorrência policial foi registrada na noite desse sábado (6) quando um caixa eletrônico dentro da prefeitura foi arrombado. Segundo a polícia, dois homens armados teriam participado da ação. O vigilante foi rendido, teve mãos e pés amarados e foi trancado no banheiro. A polícia informou que os criminosos não conseguiram completar a ação e fugiram.

Polícia Militar

A operação Voto Seguro teve as atividades intensificadas desde s´sbado (6), para coibir a compra de votos na véspera da eleição e reforçar o apoio às atividades da justiça eleitoral. O plano de segurança começou a ser executado na quarta-feira (3).

Um comboio policial, liderado pelo próprio comandante-geral da Polícia Militar, coronel Euller Chaves, está percorrendo várias cidades paraibanas, com integrantes do Batalhão de Operações Especiais (Bope) e do alto comando da corporação.

“Estamos nas ruas com o objetivo de prestar todo o apoio à justiça eleitoral, aos policiais que estão atuando na operação Voto Seguro e para reforçar o combate a todo e qualquer crime eleitoral”, disse o coronel Euller.

PM está nas ruas de todo o estado (Foto: Divulgação)

Segundo a PM, o número de denúncias aumentou na tarde de sábado e todas estão sendo prontamente verificadas, em apoio à justiça eleitoral. Até o início da tarde, a operação Voto Seguro já resultou em pelo menos cinco pessoas conduzidas até as delegacias, desde a quinta-feira (4), em Campina Grande, Patos, Igaracy e Cacimba de Dentro.

Entre as cidades que devem ter as ações intensificadas no fim da tarde e noite deste sábado, bem como em toda a madrugada do domingo (7), estão Bayeux, Espírito Santo, Sapé, Mari, Solânea, Bananeiras, Araruna, Cacaimba de Dentro, Campina Grande e João Pessoa, além de outras no Sertão do estado.

Notícias mais lidas