Início Notícias

Estado apura suposta falha em manutenção do Acauã

Portaria assinada pelo secretário de Segurança e Defesa Social, Jean Nunes, determinou a criação de uma comissão para apurar suposta falha durante a manutenção do helicóptero Acauã 1, pertencente ao Governo do Estado. O documento foi publicado na página 5, da edição do Diário Oficial do Estado (DOE), dessa quarta-feira (9).

Leia também: TCU flagra obras públicas pagas a empresas de fachada na PB

A iniciativa foi adotada após despacho da assessoria jurídica da Secretaria da Administração, que analisou recurso administrativo interposto pela empresa B. G. & P. TÁXI AÉREO E SERVIÇOS AERONÁUTICOS LTDA. – ME – CHOPPER SOLUTION contra a Helifor Comércio e Serviços Aeronáuticos Ltda – ME, responsável pelos serviços.

Comissão possui três integrantes

De acordo com a portaria, a comissão é composta por três integrantes, todos lotados no Grupamento Tático Aéreo (GTA)

Prazo para concluir apuração é de 15 dias

A comissão terá o prazo de 15 dias para concluir os trabalhos de apuração e remeter o parecer técnico à Secretaria de Segurança e Defesa Social, acompanhado de toda a documentação pertinente aos esclarecimentos técnicos que se fizerem necessários.

Comentários

  • Agamenon disse:

    Quando se precisa nunca está disponível, só dá prejuízos ao Estado.

  • Gilberto disse:

    A aquisição dessas aeronaves foi um meio para embolsar público.

  • Gabriela Duarte disse:

    Ele tal de Acauã é uma vergonha para Paraíba. É igual a tanajura só voa em determina época. Tivemos recentemente dois episódios de bandidos que se refugiaram em matagal e os heroicos policiais tiveram que adentrar a mata enquanto esses enfeites voadores estavam no chão.

  • Jonas disse:

    Dinheiro perdido, mas antes botasse soldados na rua.

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.