Moeda: Clima: Marés:
Início Justiça

Leto e mais oito são condenados à prisão na Operação Xeque-Mate

Na decisão, o magistrado condenou Leto Viana por “promover, constituir, financiar ou integrar organização criminosa”
Leto Viana, um dos investigados na Xeque-Mate (Foto: Arquivo/Jornal Correio)

O ex-prefeito de Cabedelo Wellington Viana (Leto Viana) foi condenado a seis anos de prisão, em regime semiaberto, pelo juiz Henrique Jorge Jácome de Figueiredo, da 1ª Vara da Comarca de Cabedelo. Outras oito pessoas também tiveram condenação. Ele também terá que pagar 30 dias-multa no âmbito da Operação Xeque-Mate, deflagrada pelo Ministério Público da Paraíba e Polícia Federal. As informações são da jornalista da Rede Correio Sat, Sony Lacerda, em seu blog.

Na decisão, o magistrado condenou Leto Viana por “promover, constituir, financiar ou integrar organização criminosa”, crime que pode resultar em até oito anos de reclusão. Leto é acusado de participar da compra do mandato do ex-prefeito do município Luceninha. Apesar de condenado, o ex-prefeito e os outros oito réus, poderão recorrer em liberdade.

Na decisão, o juiz informa que, de acordo com o Ministério Público, a denúncia oferecida trata “apenas da existência da organização criminosa (composição e dinâmica de atuação, formados por dois núcleos maiores de atuação) que se instalou em Cabedelo, em 2013, quando da renúncia do ex-prefeito José Lucena Filho, o Luceninha.

E completa: “…mas com atuação que se protraiu no tempo, de modo que infrações penais diversas (crimes previstos nas Leis nos 8.666/93 e 9.613/98 e no Código Penal, hipóteses de corrupção [ativa e
passiva] e peculato, entre outras infrações específicas), consumadas por seus integrantes, serão objetos
de denúncias autônomas”.

Na decisão proferida, também foram condenados:

  • Jacqueline França – 5 anos e 4 meses
  • Lúcio José do Nascimento Araújo – 6 anos e 7 meses
  • Marco Antônio Silva dos Santos – 5 anos e 4 meses
  • Inaldo Figueiredo da Silva – 5 anos e 4 meses
  • Tércio de Figueiredo Dornelas Filho – 5 anos e 4 meses
  • Antônio Bezerra do Vale Filho – 5 anos e 4 meses
  • Adeildo Bezerra Duarte – 5 anos e 4 meses
  • Leila Maria Viana do Amaral 5 anos e 4 meses

Comentários

Junior Nery disse:

Fico me perguntando como fica os outros envolvidos neste esquema podre!
E o ex prefeito acusado de vender o mandato para o Leto ??
Fica livre ?
E o Radialista que dizia ,Bandido bom é bandido morto ,fica com ?
Não vão responder e nem serem presos ??
Brasi l,o país da corrupção ,da injustiça social e do incentivo a desonestidade .
Terrível ,tudo isto .
Uma pena não aceita pelo povo .
O correto seria regime fechado !

Deixe seu comentário
Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2022. Portal Correio. Todos os direitos reservados.