Início Geral

Prefeito de Junco do Seridó é cassado e juiz determina novas eleições

O prefeito e o vice do município de Junco do Seridó, a 205 km de João Pessoa, respectivamente, Kléber Fernandes de Medeiros (PSB) e Rawlisson Meneses de Medeiros (PSD), tiveram seus diplomas cassados pela juíz eleitoral Rossini Amorim Bastos, que também determinou a realização de novas eleições na cidade. A decisão ainda cabe recurso no Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB). Comente no fim da matéria.

Leia mais notícias de Política no Portal Correio

Kleber e Rawlisson são acusados de cometer abuso de poder econômico e político. “A prova carreada ao caderno processual, demonstra, à sociedade, que o então prefeito do Município de Junco do Seridó (Cosmo Simões de Medeiros), colocou a serviço de seus candidatos às eleições majoritárias, Kléber Fernandes de Medeiros (Prefeito eleito e sobrinho de Cosmo Simões de Medeiros) e do vice-prefeito (Rawlisson Menezes de Medeiros), a estrutura da máquina administrativa municipal, afetando a normalidade e legitimidade do pleito eleitoral”, diz o juiz em seu relatório.

Segundo o magistrado, durante o pleito, eleitores foram beneficiados com obras particulares realizadas com máquinas do município de Junco do Seridó e do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), como barreiras e passagens subterrâneas, doação de terrenos, melhoria de estradas e construção de cercas, cessão de servidores públicos, além da promoção do candidato Kléber à frente de obras públicas, tudo com fins eleitorais.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas
páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram e veja nossos vídeos no
Youtube. Você também
pode enviar informações à Redação
do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

Palavras Chave

Portal Correio
publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.