Início Política

Ruy comenta mudanças no texto-base do Programa Médicos pelo Brasil

O deputado federal Ruy Carneiro comentou, nessa quinta-feira (28), as mudanças que aconteceram no texto-base da Medida Provisória (MP) referente ao Programa Médicos pelo Brasil. O texto foi aprovado no Senado e agora segue para sanção presidencial.

Leia também:

Dentre as novidades no texto, Ruy Carneiro destacou a volta do Revalida, que analisará diplomas de médicos formados no exterior. “O Revalida não acontece no Brasil há três anos e, a partir do ano que vem, vai acontecer duas vezes por ano. Eu diria que esse é um dos pontos principais que não veio na Medida Provisória”, falou o deputado, presidente da comissão mista que avaliou a Medida Provisória.

Ruy afirmou que os recursos para o programa estão garantidos. No total, serão 18 mil médicos contratados. Os profissionais terão carteira de trabalho assinadas e direitos trabalhistas assegurados. Inicialmente, o salário será R$ 12 mil, com gratificação de R$ 3 mil ou R$ 6 mil, dependendo da localidade onde ele trabalhar. Depois, com o tempo, o salário poderá chegar a R$ 31 mil.

“Conversei com o ministro e ele me disse que a seleção dos médicos deverá começar nas duas primeiras semanas de janeiro. Então eu acredito que nós teremos médicos, mais ou menos em março ou abril, chegando nos recantos mais distantes do Brasil”, disse o deputado.

* Com informações de Edinho Magalhães, correspondente do Sistema Correio em Brasília.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.