Moeda: Clima: Marés:
Início Economia

Veja composição salarial de servidores da Segurança da PB após reajustes

Medida Provisória traz ainda o reajuste no vencimento, com data a partir de 1º de janeiro, para os servidores do grupo ocupacional do magistério no percentual de 31,3%
Servidores, Reajuste
Foto: USP Imagens/Fotos Públicas

O Diário Oficial deste sábado (22) traz publicada a Medida Provisória 303/21, que reajusta em 10% os salários das forças de segurança, extensivo aos servidores ativos e inativos do estado, da administração direta e indireta. As informações são da jornalista da Rede Correio Sat, Sony Lacerda, no blog dela.

O menor vencimento e menor remuneração atribuídos aos servidores públicos estaduais será de R$ 1.212,00, inclusive para os servidores contratados.

A Medida Provisória traz ainda o reajuste no vencimento, com data a partir de 1º de janeiro, para os servidores do grupo ocupacional do magistério no percentual de 31,3%.

Caso esse percentual suba, o governador João Azevêdo (Cidadania) garantiu que a diferença será paga retroativa.

O menor valor pago pela hora de trabalho excedente prevista no caput será R$ 12,00, de segunda-feira a quinta-feira, R$ 16,56 de sexta a domingo, nos feriados e datas especiais.

No texto, o Governo publica as tabelas com os novos valores de remunerações para todos os cargos da Polícia Militar, Civil e Penal, além das tabelas com os novos valores da Bolsa Desempenho.

De acordo com João Azevêdo, além dos 10% de reajuste, os contracheques de janeiro das forças de seguranças já sairão com a incorporação de 20% da bolsa desempenho. Os 80% restantes serão incorporados em 48 meses.

A MP foi encaminhada por João Azevêdo, nessa sexta-feira (21), à Assembleia Legislativa da Paraíba e será apreciada na volta do recesso parlamentar, prevista para 2 de fevereiro.

Comentários

Manuel Gomes Silva disse:

Então o servidor contratado não terá aumento, visto que esse salário de 1.212,00, é o salário mínimo do país.
E segundo a constituição brasileira nenhum trabalhador poderá receber rendimento inferior ao salário mínimo.

Deixe seu comentário
Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2022. Portal Correio. Todos os direitos reservados.