Início Notícias

Falta de combustível faz prefeitura suspender aulas

A falta de combustível nos postos da Paraíba fez com que a Prefeitura Municipal de Curral de Cima, município do Brejo paraibano, a 90 quilômetros de João Pessoa, suspendesse, nessa quarta-feira (23), aulas nas escolas que dependem de transporte escolar para presença dos alunos.

Leia também:

* Dia começa com fila em postos que ainda têm combustível na PB;

* PB tem 80% dos postos sem combustíveis e 30% fecharam;

* Protesto de caminhoneiros para serviços essenciais na Paraíba;

* Petrobras vai reduzir preço do diesel em 10% nas refinarias por 15 dias

Em comunicado, a prefeitura de Curral de Cima alegou que o posto licitado pela administração municipal não possuí combustível para abastecer a frota.

“Comunicamos que em decorrência da falta de combustível nos posto que é licitado pela Prefeitura Municipal não teremos transporte escolar a partir desta quinta-feira (24). Os alunos não serão prejudicados, pois as escolas que dependem desse serviço terão as aulas suspensas e, posteriormente, repostas. No caso da saúde, só serão atendidas urgências, pois estamos racionando o pouco combustível que temos”, informou a Prefeitura.

CG quer plano para evitar desabastecimento

Em Campina Grande, o prefeito Romero Rodrigues, que segue em Brasília, recomendou que as secretarias façam um plano emergencial voltado principalmente para as áreas de saúde, educação e limpeza urbana para evitar o desabastecimento.

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.