Início Notícias

Policiais decretam ‘greve branca’ e reduzem atividades na PB

Policiais civis e militares da Paraíba não chegaram a um acordo sobre reajuste salarial e decretaram greve branca, que consiste numa redução de 5% nas atividades. A decisão ocorreu por meio de assembleia da categoria realizada na tarde desta quarta-feira (5), em João Pessoa.

Leia também:

O Governo do Estado ofereceu pagar 30% da bolsa desemprenho, a partir de 2021 até 2025, em 60 parcelas, mas a categoria não aceitou, alegando que só representaria R$ 5 a mais nos salários de agentes e soldados.

Os policiais definiram ações que deverão ser realizadas nos próximos dias em protesto e uma delas já ocorreu nesta quarta (5), com manifestação na Praça dos Três Poderes, no Centro de João Pessoa.

Os policiais anunciaram ainda pelo menos mais duas paralisações, sendo uma de 12 horas e outra de 24 horas para ocorrer em datas que ainda serão definidas. A ameaça de greve geral continua aberta caso o governo não conceda reajuste maior que os 5% estabelecidos para todos os servidores públicos do Estado, exceto professores que tiveram 12,84%.

Durante entrevista à Rede Correio Sat, em 17 de fevereiro deste ano, o governador da Paraíba, João Azevêdo (Cidadania) não deu garantias de que concederia aumento maior que 5% aos policiais e falou que não pode comprometer as receitas do Estado administrando apenas folhas de pagamento.

“Não podemos pôr em risco a gestão de um estado com 4 milhões de pessoas, que precisam de saúde, educação e políticas públicas de inclusão. Não podemos nos limitar a fazer gestão de folha”.

Nesta quarta (5), a Comunicação do Estado foi procurada pela TV Correio para comentar a situação, mas não respondeu e informou que se pronunciaria depois. Até o fechamento desta matéria, não houve resposta.

Comentários

  • Itamar disse:

    Esse governo é pau mandado de Ricardo ele pensa que engana quem afinal foi eleito com o dinheiro de Ricardo. Agora que dá 30 por cento de aumento em sessenta meses esse. Governo é sem.moral logo logo ele cai a verdade vai aparecer ou Paraíba. Cheia de corrupção uma vergonha.

  • Steve pierre disse:

    O governo mais corrupto , com o governador pal mandado do corrupto rei ricardo coutinho !!! Pior salario do brasil , perde 40% quando se aposenta !!! Vergonha esse governo de ratos!!!

  • Bolsominion disse:

    Só a cúpula do governo do PSB obteve ganhos nesses últimos anos, juntamente com os oficiais da PM e os Delegados da Polícia Civil, já os demais servidores sofreram com tanta perseguição, desvalorização e perda salarial.

  • Rafael disse:

    Um aumento de R$5,80 para os soldados isto é uma vergonha, vem dizer que não tem dinheiro igual ao antigo gestor, depois se descobre para onde estava indo o dinheiro! aumentar 30% em 60 meses, não sabia que o Estado virou Casa Pio.

  • Paulo Henrique disse:

    Aumento falso de 5%. Para quem ganha 1 salário mínimo, representa $2,90 somente de reajuste.

  • gilberto silva disse:

    Engraçado comprometer a saúde, educação do 4 milhões de pessoas se a quadrilha que ele faz parte já comprometeu roubando o dinheiro do estado.

  • Roberio disse:

    Parabens aos policiais! Arriscam suas vidas diariamente e não São recompensados justamente por isso

  • José Jorge Da Silva disse:

    Depois de quase 10 anos sem qualquer reajuste salarial, o governo vem dá 5% de aumento, mesmo percentual da inflação anual que multiplicado por 10 anos daria uma perda de 50%. Tudo foi reajustado anualmente, passagens, alimentos, gás, combustível, educação, vestuário e tantas outras coisas. Dinheiro para encher os bolsos da cúpula tem, taí a calvário para provar, agora pagar a quem trabalha ou deu mais de 30 anos de sua vida para o Estado em defesa da Lei, da ordem e da população não tem. É injusto e desumano o tratamento que esses governos socialistas do PT, PSB e outros da mesma linha dão ao funcionário público na ativa e piora na inatividade.

  • Sebastião disse:

    Houve um equívoco.
    Não foi prometido pelo governo um aumento de 30%, mas pagar 30% da bolsa desempenho aos policiais da inatividade. E este pagamento ainda seria dividido em 60 parcelas. Hoje, um policial quando se aposenta perde esta bolsa desempenho, que equivale a cerca de 40% dos vencimentos.

  • Joseilso Leôncio disse:

    ele ofereceu trinta por cento sobre a bolsa desempenho por quer sabe, q em 2021 ñ estar más no governo, más tal vez preso junto com Ricardo

  • Alexandre viana disse:

    Como sempre ,quem corre risco por outra pessoa nesse país não tem valor ,tem que parar mesmo

  • João disse:

    Engraçado Ricardo passou 8 anos e não deu um centavo e eles ficaram pianinho todo esse tempo. João vem e da 5% que diga-se de passagem é uma esmola. Aí vem fazem tudo isso e ameaçam greve. Vai entender.

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.