Início Notícias

Postos têm filas por causa de desabastecimento de combustíveis

A greve dos caminhoneiros, que entrou no terceiro dia nesta quarta-feira (23), começou a provocar um corre-corre de consumidores aos postos de combustível de João Pessoa, Cabedelo e Campina Grande.

Leia também:

* Empresas cancelam venda de passagens e viagens na Rodoviária;

* Uber, taxistas e alternativos se unem contra aumento de combustíveis;

* Sem água e comida: população de JP organiza doações;

* Petrobras reduz preço da gasolina e do diesel pelo 2º dia consecutivo;

Em vídeos, a fila de carros esperando para abastecer ultrapassa os 100 metros em alguns postos. Na Capital, filas foram registradas em postos da Avenida Pedro II, Avenida Presidente Tancredo Neves e na Rua Empresário João Rodrigues Alves, no bairro dos Bancários.

Em Campina Grande, um posto que fica na Estação Velha também registrou grandes filas de consumidores com medo de que exista desabastecimento na cidade.

Já em Cabedelo, um posto que fica às margens da BR-230 também registrou fila de veículos, que estavam estacionados no acostamento da rodovia aguardando atendimento.

Mobilização em 22 estados

Segundo levantamento da Polícia Rodoviária Federal (PRF), somente Rio Grande do Sul, Amapá, Roraima e Acre não registravam protestos de caminhoneiros até as 14h05 desta quarta. Paraná, Santa Catarina e Minas Gerais têm o maior número de BRs bloqueadas. Na Paraíba, sete trechos foram fechados e outros dois seguem com desvios por causa de obras na BR-230 na Grande João Pessoa. Veja aqui em tempo real.

Os caminhoneiros pretendem manter os protestos até que haja redução nos preços dos combustíveis. Em João Pessoa e Campina Grande, as empresas de ônibus anunciaram redução da frota para evitar colapso de óleo diesel. Até as 11h40 desta quarta (23), 60% dos postos da Paraíba já estavam sem algum tipo de combustível.

O Sistema Correio de Comunicação está com repórteres espalhados por toda a cidade para mostrar ao público a situação dos protestos dos caminhoneiros e os pontos mais críticos do trânsito nas cidades. Ludimila Costa, Felipe Ramos, Sandra Macedo, Emerson Machado, Beto Pessoa, Ainoã Geminiano, Lorena Alencar, Halan Azevedo e Caio Lucas estão nas ruas de Campina Grande e João Pessoa falando com caminhoneiros, moradores das cidades e autoridades para deixar os paraibanos bem informados em tempo real.

* Com informações de Beto Pessoa, do Correio da Paraíba

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.