Início Notícias

Soltos na Calvário e paralisação de policiais são destaques da semana

O Superior Tribunal de Justiça decidiu por manter a soltura do ex-governador da Paraíba Ricardo Coutinho (PSB), do irmão dele, Coriolano Coutinho, do ex-procurador-geral do Estado, Gilberto Carneiro, e de outros investigados na Operação Calvário. O Fórum das Entidades das Polícias Civil, Militar e Corpo de Bombeiros anunciou uma paralisação com duração de 12 horas no último dia 19, decretada ilegal pela Justiça. Veja abaixo esse e outros fatos que tiveram destaque nessa semana.

Segunda-feira

Um homem suspeito de integrar uma facção criminosa morreu e outros dois foram presos após troca de tiros com a Polícia Militar. O confronto aconteceu na noite do último dia 16, no bairro do Rangel, em João Pessoa.

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, chegou praticamente de surpresa a João Pessoa, onde conheceu a nova sede da Polícia Federal e falou com jornalistas durante entrevista coletiva.

Moro visitou as novas instalações da Polícia Federal, no bairro João Agripino, na Zona Leste da Capital, e depois elogiou as operações Calvário, Xeque-Mate e Pés de Barro, que apuram corrupção na gestão do Estado; de Cabedelo, na Região Metropolitana de João Pessoa; e no interior da Paraíba; respectivamente.

troca de tiros

Crime aconteceu em frente a um supermercado localizado na praça Castro Pinto, no Centro (Foto: Reprodução/ Google Street View)

Uma suposta tentativa de assalto a um carro-forte deixou pelo menos um ferido no Centro de João Pessoa. Um vídeo que circula nas redes sociais registrou a troca de tiros entre os seguranças e os bandidos. Durante o confronto, um dos vigilantes do transporte ficou ferido e foi resgatado.

Em levantamento sobre números de emergência divulgado pela Secretaria de Estado da Segurança e da Defesa Social (Sesds), o órgão informou que 41% das ligações recebidas pela urgência da Polícia Militar do Estado (190) foram indevidas, incluindo também os conhecidos ‘trotes’. Ainda conforme os dados, 19% das ligações efetuadas para o contato de emergência do Corpo de Bombeiros foram registradas da mesma maneira.

Terça-feira

Estão abertas, até o dia 4 de março, as inscrições para o processo seletivo do Se Liga no Enem, programa que oferece revisão de conteúdos a alunos concluintes ou egressos da rede pública estadual. Ao todo, são oferecidas 5.400 vagas em 39 cidades. As vagas serão preenchidas pelos primeiros inscritos após o início das inscrições.

Foi sancionada a lei que cria a Fundação Paraibana de Gestão em Saúde (PB Saúde). De acordo com ato publicado no Diário Oficial do Estado, o quadro de funcionários da Fundação PB Saúde será composto mediante realização de concurso ou processo seletivo simplificado. Os aprovados serão contratos no regime da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

Operação Manguezal

Operação foi feita em todo Litoral da Paraíba (Foto: Divulgação/Montagem – Portal Correio)

A Operação Manguezal, deflagrada pelo Ibama, em parceria com o ICMBio, Batalhão de Polícia Ambiental e Secretaria de Meio Ambiente de Cabedelo, apreendeu no Litoral da Paraíba 6.680 espécimes de caranguejo-uçá (Ucides cordatus), capturados ou comercializados ilegalmente, no período de 10 a 15 de fevereiro de 2020. Foram lavrados sete autos de infração e aplicadas multas no valor de R$ 15.185. Os caranguejos apreendidos e ainda vivos foram devolvidos ao habitat natural.

Um professor de 45 anos foi raptado de casa, levado para um matagal e torturado por quatro homens, em Serra Branca, no Cariri do estado. Segundo a Polícia Militar, o crime aconteceu após um vídeo em que a vítima aparece praticando sexo oral em um homem na praça da cidade, durante a madrugada, ser compartilhado em redes sociais. Um suspeito foi preso e confessou que a agressão foi planejada como forma de “vingança” ao ato do professor. O caso é tratado como crime de homofobia.

Ricardo Coutinho

Ricardo Coutinho (Foto: Arquivo/CORREIO)

Por 4 votos a 1, a 6ª Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu por manter a soltura do ex-governador da Paraíba Ricardo Coutinho (PSB). A decisão responde negativamente ao agravo regimental apresentado pela Procuradoria-Geral da República (PGR) contra a soltura do ex-gestor, determinada pelo ministro Napoleão Nunes, em regime de plantão, no dia 21 de dezembro do ano passado.

Uma criança de um ano e quatro meses morreu afogada em um balde usado para acumular água, no bairro do Cristo, na Zona Oeste de João Pessoa. As informações são da TV Correio. A mãe da criança teria usado baldes para armazenar água durante um corte no abastecimento do bairro. A menina teria ido brincar no recipiente e acabou se afogando.

Quarta-feira

Alguns bairros de João Pessoa ainda estão enfrentando problemas com a coleta de lixo, apesar da promessa da Autarquia Especial de Limpeza Urbana de que tudo seria resolvido entre os dias 14 e 16. As reclamações sobre a irregularidade na frequência da coleta ocorrem, principalmente, em bairros da Zona Sul da Capital, como Gramame, Cidade Verde e Colinas.

Clayton Tomaz

Estudante estava desaparecido desde o dia 6 de fevereiro (Foto: Reprodução/Facebook)

O Conselho Universitário (Consuni) da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) criou, por maioria de votos, uma comissão para acompanhar investigação da morte do estudante de Filosofia Clayton Tomaz de Souza, de 31 anos, cujo corpo foi encontrado no dia 8 de fevereiro, às margens de uma estrada em Gramame, na Zona Sul de João Pessoa.

Qualquer movimento de greve ou de paralisação de policias na Paraíba é considerado ilegal, conforme decisão liminar do desembargador Leandro dos Santos, do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB). Ele aceitou uma ação movida pelo Governo da Paraíba contra a mobilização de alguns profissionais da segurança pública do estado.

Quinta-feira

Uma jovem de 17 anos foi encontrada morta dentro da casa em que morava, na cidade de Patos, no Sertão paraibano. O corpo foi localizado com marcas de facadas ao lado do filho da vítima, de um ano de idade, que, segundo a polícia, pode ter presenciado o crime.

Uma criança de oito anos morreu vítima de meningite, em Cajazeiras, no Sertão da Paraíba. Ela era do município de Cachoeira dos Índios e deu entrada no Hospital Universitário Júlio Moreira (HUJM) no último dia 13. Devido ao avanço da doença, não foi possível reverter o quadro.

imóveis

Cliente tem nova alternativa de financiamento (Foto: Jornal Correio)

A Caixa Econômica Federal lançou a linha de crédito imobiliário com taxa fixa. Essa nova alternativa para o cliente possui taxas de juros a partir de 8% ao ano. As condições são válidas para imóveis residenciais novos e usados, com quota de financiamento de até 80%. As contratações estão vigentes desde do dia 21 de fevereiro.

Várias instituições ligadas à saúde emitiram manifestos contrários ao edital para seleção de preenchimento de 824 vagas no Ortotrauma de Mangabeira, em João Pessoa, contra os salários aplicados aos aprovados no processo.

Sexta-feira

Depois de uma criança de oito anos morrer vítima de meningite em Cajazeiras, de acordo com o laudo clínico do Hospital Universitário Júlio Moreira (HUJM), onde estava internada, a Saúde do Estado reacende a necessidade de alerta aos cuidados necessários para que a doença não se prolifere. Em 2019, o número de casos notificados por meningite no estado foi de 127, com 38 confirmações, sendo 11 mortes.

O ex-procurador-geral da Paraíba, Gilberto Carneiro da Gama, é mais um beneficiado com habeas corpus concedido pela ministra Laurita Vaz, do Superior Tribunal de Justiça (STJ). Carneiro foi preso em dezembro do ano passado, junto com outros acusados, durante a sétima fase da Operação Calvário, que apura desvios de R$ 1 bilhão na saúde e na educação do Estado, supostamente cometidos na gestão do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB). Os acusados que foram soltos deverão usar tornozeleira eletrônica.

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.